Postagens

Mostrando postagens com o rótulo tragédia

Tragédia no parque

Na tarde de ontem, a queda de um eucalipto matou um idoso e feriu outras pessoas no Parque Farroupilha, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. A árvore estava com problemas nas raízes. O excesso de chuva dos últimos dias também pode ter contribuindo para o acidente.
Acho que as autoridades não têm nenhuma responsabilidade em relação ao ocorrido. Para mim isso foi uma fatalidade. Problemas no interior das árvores ou em suas raízes (que ficam embaixo da terra) dificilmente são percebidos em vistorias. Se esses problemas esivessem do lado de fora da árvore, eles seriam detectados e as autoridades competentes poderiam ter tomado as providência. Acredito que esse acidente foi uma tragédia  impreviível. Porém, esse caso tem que ser investigado para ver se isso foi mesmo uma fatalidade ou foi conseqhência de algum tipo de negligência.

Prédio vem a baixo

Na manhã de hoje, um prédio em construção que abrigaria uma unidade da Torra Torra, rede de lojas de roupas e cama, mesa e banho, desabou no bairro São Mateus, na zona leste de São Paulo, matando 7 trabalhadores e ferindo mais de 20. Esses números podem aumentar, já que quatro operários estão sendo procuradks nos escombros. A Polícia Civil e o Ministério Público estão investigando o caso.
Por causa de irregularidades, a obra já havia sido multada duas vezes. Eu acredito que o acidente foi causado por essas irregularidades. Afinal, havendo esses problemas, o prédio não iria cair sozinho.
É preciso que esse caso seja muito bem investigado para que os responsávejs por essa tragédia sejam identificados e punidos. Junto com esse prédio, foram-se as vidas de sete trabalhadores, que morreram na luta pelo sustento deles mesmos e de suas famílias.
Espero que sejam encontrados mais sobreviventes!

Tragédia evitável

Neste sábado, em Londrina, no Paraná, um homem usuário de drogas matou três pessoas após uma briga com a namorada. Ele, que está preso, matou a facadas a própria mãe e, depois, invadiu uma casa vizinha e assassinou do mesmo modo duas mulheres e uma criança. Horas antes, o rapaz tinha sido atendido em um posto de saúde em Cambé, uma cidade vizinha, devido a um surto de agressividade.
Os funcionários desse posto foram negligentes, pois o homem foi liberado mesmo depois de a mãe e a namorada terem informado que ele era usuário de drogas. Se esse rapaz tivesse recebido tratamento adequado, a tragédia não teria ocorrido. A negligência acabou custando a vida de três pessoas. A conduta dos responsáveis pelo atendimento deveria ser investigada.

Tragédia na estrada

Na semana passada, quatro pessoas morreram em um acidente na BR-163, em Rio Brilhante, aqui no Mato Grosso do Sul. Os quatro mortos estavam em uma ambulância da cidade de Eldorado e iriam para Campo Grande quando o veículo bateu de frente com um caminhão.
A polícia acredita que o motorista da ambulância teria perdido o controle e invadido a pista contrária.
Eu tenho uma hipótese para essa tragédia. Sei que Eldorado é no sul do estado, assim como Itaporã, minha cidade, e, portanto, é longe da capital. Acho que o motorista da ambulância estava há horas dirigindo e teria dormido ao volante.
Essa é minha opinião, mas, independentemente da causa, uma coisa é certa: essas quatro pessoas que se foram vão fazer muitíssima falta para seus familiares e amigos.

Protesto acaba em tragédia

Há poucos dias um menino de 12 anos foi baleado na cabeça durante um protesto na cidade de Santa Luzia, em Minas Gerais. O tiro foi disparado por um policial aposentado. O garoto está em estado gravíssimo.
Vizinhos contam que o homem costumava dar tiros para o alto de madrugada. Quem convive com pessoas desse tipo deve fazer denúncia o mais rápido possível. Se os vizinhos desse indivíduo que atirou no garoto fizessem isso, esse ato monstruoso seria evitado.