Postagens

Mostrando postagens com o rótulo tiros

Covardia

Neste sábado, um homem foi assassinado a tiros em seu carro no bairro Aero Rancho, em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. O veículo só parou após bater em outro. O homem estava acompanhado da esposa e dos filhos. Os disparos foram efetuados por dois homens que estavam em uma motocicleta. A  pol8ícia trabalha com as hipóteses de latrocínio (roubo seguido de morte) e acerto de contas.
Independentemente da motivação, os responsáveis por essa atrocidade não podem ficar impunes. O ato que eles fizeram destruiu uma família. A mulher e os filhos da vítima não se feriram, mas terão sequelas psicológicas, que prejudicarão a vida deles.

Família inteira assassinada

Hoje, cinco pessoas de uma mesma família (um casal de policiais militares, o filho de 12 anos e duas mulheres) foram encontrados mortos a tiros em uma casa na Vila Brasilândia,  bairro da Zona Norte de São Paulo. O caso está sendo investigado.
Eu acredito que essa chacina foi motivado pela vingança de algum bandido. Os policiais e seus familiares correm risco de vida constantemente. Mas isso é só opinião minha. Temos que acompanhar as investigações policiais.
Seja quem for e e qual for o motivo, quem fez esse ato bárbaro deve ficar por um longo tempo atrás das grades. Quem fez isso não tem sentimento, não tem ideia de como estão se sentindo os parentes e amigos das vítimas.

Tiros no meio da festa

Em Dourados, aqui no Mato Grosso do Sul, houve um tiroteio durante uma festa em um recanto de lazer na Chácara dos Caiuás. Um rapaz sacou uma arma e começou a disparar contra os convidados. Três pessoas se feriram, entre elas um menor que foi alvejado no olho e está em estado grave. As outras duas vítimas sofreram ferimentos leves.
Que loucura! Esse doido tem que ser preso! Atirar pra todo lado é uma atitude irracional. Acho que, se o adolescente que foi baleado no olho ficar cego ou morrer (a bala pode alcançar o cérebro), o atirador deveria ser obrigado a indenizar ele ou seus familiares.

Espera por justiça chega ao fim

Foi preso ontem  em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, um homem chamado Joselmal Gomes Fernandes, que matou a tiros a ex-mulher no mês passado.
Aleluia! Como Deus é bom! Finalmente, Deus colocou a polícia no caminho deste assassino, que agora vai pagar pelo que fez.

Duplo homicídio

Na noite desta sexta-feira um casal foi morto a tiros dentro de um carro em uma avenida da cidade de Montes Claros, em Minas Gerais. Até agora ninguém foi preso.
Tanto o homem quanto a mulher tinham passagens pela polícia; ele por furto e roubo, ela por lesão corporal e ameaça. É provável que o crime esteja relacionado a isso. No entanto é sempre bom dizer que não se deve fazer justiça com as próprias mãos. As pessoas que são vítimas de qualquer tipo de crime devem ir à polícia; matar o responsável pelo ato ou contratar alguém para isso não resolve nada, só piora a situação. Imaginem como estão as famílias das vítimas nesse momento.

Vingança

Há alguns dias atrás, um estudante feriu dois colegas a tiros em uma escola na região metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Ele sofria bullying por ser gordo. As autoridades escolares sabiam das agressões, mas não fizeram nada.
Atenção estudante! Se você está sofrendo bullying, comunique o fato à direção da escola. Se nenhuma providência for tomada, peça para seus pais ou responsáveis irem à polícia. Agir com violência não resolve nada; ao contrário, só piora a situação. Vocês se lembram do massacre da escola de Realengo?