Postagens

Mostrando postagens com o rótulo funcionários

Ameaça à saúde

Um prédio dos Correios em Porto Velho, Rondônia, está infestado por pombos. Quando chove, a situação se torna insustentável, pois as fezes dos animais escorrem pelas paredes. Uma tela foi instalada recentemente no forro, mas a sujeira não foi removida.
Os funcionários já realizaram uma paralisação em janeiro. Como o problema não foi parcialmente resolvido, eu acho que eles deveriam fazer uma greve geral. Ninguém merece trabalhar nessas condições humilhantes e insalubres. Os pombos transmitem muitas doenças. Eles são verdadeiros ratos voadores.

Sem serviços de limpeza, por enquanto

Não há nenhuma empresa disponível para fazer a limpeza dos postos de saúde de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. Uma licitação para escolher a nova empresa foi suspensa e o contrato emergencial com a Mega Serv, que até então realizava a limpeza, venceu. O vereador Elizeu Dionísio denunciou no Ministério Público possíveis irregularidades na licitação.
Alguma coisa tem que ser feita para "resolver" temporariamente essa situação. Por exemplo, o contrato da Prefeitura com a Mega Serv deveria ser prorrogado enquanto o problema não for definitivamente solucionado. Se a sujeira começar a se acumular nos postos, a saúde dos funcionários e da população estará em risco. O meio ambiente também será prejudicado se os funcionários começarem a descartar o lixo irregularmente.

Tragédia evitável

Neste sábado, em Londrina, no Paraná, um homem usuário de drogas matou três pessoas após uma briga com a namorada. Ele, que está preso, matou a facadas a própria mãe e, depois, invadiu uma casa vizinha e assassinou do mesmo modo duas mulheres e uma criança. Horas antes, o rapaz tinha sido atendido em um posto de saúde em Cambé, uma cidade vizinha, devido a um surto de agressividade.
Os funcionários desse posto foram negligentes, pois o homem foi liberado mesmo depois de a mãe e a namorada terem informado que ele era usuário de drogas. Se esse rapaz tivesse recebido tratamento adequado, a tragédia não teria ocorrido. A negligência acabou custando a vida de três pessoas. A conduta dos responsáveis pelo atendimento deveria ser investigada.

Banco assaltado

Em Colorado, no interior do Paraná, bandidos mantiveram reféns funcionários de um banco e suas famílias e obrigaram o gerente a abrir o cofre. A polícia acredita que os ladrões, que estão foragidos, sabiam como funcionava o sistema de segurança da agência.
Por esse motivo, eu levanto a hipótese de que algum funcionário teria ligação com os assaltantes.
Além de causar prejuízos ao banco, esses bandidos deixaram os funcionários e seus familiares traumatizados. O pior é que havia crianças entre os reféns. Essas pessoas terão sequelas psicológicas.

Greve nos aeroportos

Funcionários da Infraero que trabalham em 63 aeroportos do Brasil começaram uma greve. Não há problemas nos aeroportos.
Essa greve é justa e merece apoio, já que o povo não está sendo prejudicado. O governo tem que dar um jeito de atender às reivindicações dos trabalhadores antes que esse protesto comece a causar prejuízos.

Funcionários sem instrução

Uma decisão da Justiça julgou improcedente a ação do Ministério Público que solicitava a substituição de todos os cargos comissionados na Prefeitura de Dourados, aqui no Mato Grosso do Sul, por efetivos através de concursos públicos.
Acho que esses funcionários comissionados ganharam emprego porque foram ajudadas por políticos. Isso deveria ser proibido. Com certeza os concursados atendem melhor a população do que os sem instrução.