Postagens

Mostrando postagens com o rótulo eleições

Comum chance ao aprendizado prático eleitoral

No Brasil e na Lituânia o presente ano é um novo ponto de cíclico pequeno aumento na necessidade de boa consciência política entre os cidadãos. Aqui escolhendo prefeitos e vereadores para as cidades e lá, membros do Parlamento, as populações ganham temporário parentesco por causa das oportunidades para mostrarem o quanto aprenderam com anteriores possivelmente similares mancadas em momentos de escolher novos e/ou manter nos cargos representantes que se disponham a seus interesses essenciais, continuando a valer a expressão popular na política através das cobranças de cumprimento dos deveres aos eleitos.

Cada dia terminado é um passo dado mais próximo do instante eleitoral e um pedaço que se perde do tempo disponível ao partido lituano Movimento Liberal (de sigla LS em seu nome no idioma do país) para obter novas fórmulas válidas à detenção da quase hemisférica queda (de 15,5% em abril para 6,6% agora) de pretendentes a depositar simpatia por ele nas urnas conforme recente pesquisa qu…

Irregularidades comprovadas

Em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, o vereador Paulo Siufi (PMDB) defende a saída do prefeito Alcides Bernal (PP) antes do fim da CPI do Calote (que investiga problemas na administração), previsto para o início do mês que vem. Segundo ele, existem provas documentais e testemunhais de que o prefeito cometeu improbidade administrativa.
Assim como a maioria da população de Campo Grande, eu, que moro em Itaporã, no interior do estado, não imaginava que houvesse um mar de lama sob a Prefeitura da capital. O povo votou no Bernal e quebrou a cara. Espero que os campo-grandenses não cometam o erro de reeleger o prefeito se ele conseguir se candidatar nas próximas eleições municipais.