Postagens

Mostrando postagens com o rótulo cultura

A inocência infanto-juvenil sob pesado ataque

Mesmo com policiais atuantes e detenções em números nunca vistos antes no Brasil, a operação Luz na Infância afeta uma parcial extensão do problema, que vai além da descoberta de responsãveis pela pedofilia no universo virtual. A quebra prática das expectativas de a mobilização abranger o país inteiro marca possíveis pontos cegos a que cabe revisão no trabalho conjunto entre órgãos federais e regionais da área de segurança pública. Ademais, a caçada aos pedófilos ocorreu paralelamente a um debate polêmico cujo proveito vai influir na efetividade de esforços repressivos. Conquistando partidários, sob a desculpa do apoio à liberdade de expressão cultural, e críticos, o aumento na exposição de crianças a representações artísticas erotizantes e ofensivas a valores fundamentais à ordem social põe obstáculos ao desestímulo aos abusos em virtude da tendência ao encontro pelos predadores de vítimas mais "fáceis".

O cerco aos que via internet promovem o escarnecimento da integridade …

O eterno sumiço físico de Belchior e as realidades nacional e regionais

Assim que entrou nas pautas jornalísticas, na manhã do dia que encerrou o recém-fechado mês, a morte de Belchior deu vez a manifestações práticas e reflexivas
em maior parte regionais, porém relevantes em extensão nacional, das carências por que passa o zelo cabível a todo sujeito, não importando a classe social, etnia, poder econõmico ou político, pela justiça no proveito por cada um de seus talentos e no cumprimento de deveres.

De certa residência no bairro Santo Inácio, parte da cidade de Santa Cruz do Sul, componente do Rio Grande do Sul, a identidade dos moradores era uma desinteressante incógnita para os habitantes dessas divisões, quanto mais do resto do país, até a referida manhã. Foi quando veio à tona tratar-se de Belchior o ocupante da morada vítima fatal de um rompimento na aorta enquanto dormia, sem histórico de doenças pré-existentes e possivelmente não tendo sofrido. O paradeiro de seu conterrâneo a população do Ceará acabouou conhecendo para nunca desejado o proveito…

Safra em "desajuste" ao que foi investido nela

A mÍdia voltou a dar holofotes para a esquecida Tati Quebra Barraco no passado mês que transcorreu até a porta do fechamento do ano. Não para lançar novo álbum ou single, aproveitando o novo boom que seu gênero musical vem tendo, e sim acendendo-se à frente dela as luzes dos palcos que exibem as tragédias nossas de cada dia. Paralelamente às criticas ao possivelmente digno procedimento das forças policiais, a sub-celebridade, ao se questionar acerca de onde teria errado para que o filho se engajasse no mundo do crime que lhe rapinou a vida, deu um passo inicial na compreensão de como seu trabalho de fato (independentemente dos ganhos materiais) edificou sua própria estrutura familiar e a de grande parte do público, restando a atuação dos conhecedores desta verdade em clarificar perante a artista a resposta de sua interrogação.

A primeira incursão dessas mentes esclarecidas quanto à realidade desabrochou rumo à fanpage de Tati no Facebook logo após a morte de Yuri Lourenço da Silva, a…

Tradição quilombola

Foi realizada ontem na comunidade quilombola (de negros descendentes de escravos) Furnas do Dionísio, em Jaraguari, aqui no Mato Grosso do Sul, o Festival da Rapadura, durante o qual ocorreram exposições de produtos típicos e apresentações culturais.
É muito bom ver essa comunidade preservando sua cultura. As tradições devem ser passadas de geração em geração para que não se percam.
Seria bom se esse tipo de evento também fosse realizado em comunidades indígenas. Os índios também têm uma cultura diversificada.