Postagens

Mostrando postagens com o rótulo casa

Será que foi abandono?

Nesta sexta-feira um bebê foi encontrado morto com mordidas de ratos na casa onde morava com a mãe, que é usuária de drogas, em Fortaleza, no Ceará. O caso está sendo investigado.
Acredito que a mãe é culpada pela morte do filho. Os usuários de drogas não estão nem aí para nada. Porém, a polícia tem que investigar bem esse caso antes de condená-la.

Casa partida ao meio

Há seis meses, uma idosa  da cidade de Araguaína, em Tocantins, percebeu, ao voltar de uma viagem, que sua casa havia sido parcialmente destruída por um vizinho que alegava que o terreno era dele. Na última quarta foi decidido em uma conciliação feita pela Defensoria Pública que ele terá o prazo de 10 dias para iniciar os reparos.
Ainda bem que a Defensoria Pública faz essas conciliações. Se isso não acontecesse, essas disputas na Justiça demorariam muito para ser resolvidas (isso quando chegam a ser resolvidas!). Briga de vizinhos é coisa séria; muitos desentendimentos desse tipo podem acabar em assassinato.

Família inteira assassinada

Hoje, cinco pessoas de uma mesma família (um casal de policiais militares, o filho de 12 anos e duas mulheres) foram encontrados mortos a tiros em uma casa na Vila Brasilândia,  bairro da Zona Norte de São Paulo. O caso está sendo investigado.
Eu acredito que essa chacina foi motivado pela vingança de algum bandido. Os policiais e seus familiares correm risco de vida constantemente. Mas isso é só opinião minha. Temos que acompanhar as investigações policiais.
Seja quem for e e qual for o motivo, quem fez esse ato bárbaro deve ficar por um longo tempo atrás das grades. Quem fez isso não tem sentimento, não tem ideia de como estão se sentindo os parentes e amigos das vítimas.

Incêndio trágico

Neste sábado, uma casa onde estavam dois irmãos de 1 e 3 anos pegou fogo em Jateí, aqui no Mato Grosso do Sul. O mais novo morreu. As crianças estavam sozinhas na casa, que, por não ter energia, era iluminada por uma vela (provavelmente, essa foi a causa do incêndio).
Crianças pequenas não podem ficar sozinhas em casa. Além disso, deve-se ter cuidado com velas e outros objetos perigosos.
Que coisa triste! Além de perder a casa, os pais dessas crianças terão que conviver pelo resto da vida com a dor de ter perdido uma delas.

Casa explosiva

Recentemente, uma casa explodiu em São Paulo, deixando dois feridos e muitos estragos. O local era um depósito de fogos de artifício e balões.
Os bombeiros deveriam aumentar a fiscalização em locais onde há materiais perigosos. Que bom que no caso citado acima não houve morte, mas poderia ter havido! Vale a pena lembrar: quem fabrica, vende, transporta ou solta balões que possam provocar incêndio pode ir em cana!