Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Ivinhema

Águas sul-matogrossenses que não estavam para peixes humanos

Neste primeiro trimestre de 2016 ocorrências envolvendo idênticos litígios espaciais entre a natureza e sua notória prole, os humanos, murcharam cada uma seu impacto na opinião público, provocando reações em vez disso unificadas. As ocasionais cheias fazem parte dos modos como os rios esculpem o viver dos ocupantes das cidades e áreas rurais a suas margens. O tecido das determinações é a cobrança natural para os grupos antrópicos de justuras em seus hábitos e bens ou no regime das águas (quando elas permitem), no que os casos apontariam indisciplina das comunidades ligadas aos cursos d'água e todo o resto do mundo, cujas atitudes podem estar imprimindo marcas nos escoadouros hídricos apesar de esse maior conjunto majoritariamente não usufruir deles. No norte, oeste {1} e sul do estado {2}{3} (de onde a fusão entre leitos de rios e a terra firme se expandiu a lugares no Paraguai {4} vizinhos à sul-matogrossense Bela Vista {5}, ambos que partilhavam o volume excedente do Apa) o bar…

Morte misteriosa

Em Ivinhema, aqui no Mato Grosso do Sul, uma gerente da Sanesul, a empresa de água e saneamento do estado, desapareceu nesta sexta-feira depois de sair de casa em seu carro para ir a um supermercado. O corpo dela foi encontrado na tarde de hoje no rio que tem o mesmo nome da cidade. O caso está sendo investigado pela polícia.
Esse caso tem que ser muito bem investigado para que a família desta mulher e a sociedade sejam esclarecidas sobre as circunstâncias dessa morte. Se for comprovado que ela foi assassinada, espero que o(s) responsável(is) não fique(m) impune(s). Imaginem como devem estar nesse momento os parentes da vítima.