Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Corumbá

O bastante dentro de um bimestre para notabilizar o ano que ele abriu

Por motivos infelizes este ano nos dois primeiros meses já obteve tudo de que necessitava para ser único na história da segurança pública brasileira. Uma monta considerável da população foi cobaia de tentativas de expansão ousada por criminosos de sua autoridade, seja dentro ou fora das cadeias, tomando partido de lacunas na capacitação e na estrutura para trabalho disponibilizadas à mão de obra policial, judiciária e carcerária, assim como nas condições de labuta de entes governamentais e informais atuantes na prevenção da criminalidade. Para colher bons frutos na recondução de membros errantes à sociedade e barrar a renovação da mão de obra delinquente necessitam essas áreas em primeiro lugar de servidores que não esmoreçam ante omissões de autoridades nem caiam em tentações capazes de igualar seu caráter e competência aos de seus superiores democraticamente eleitos, os responsáveis pelas dificuldades.

Um ano de inaugurada completou a Penitenciária Industrial de Blumenau, na homônim…

O teto que depende de outros acima dele para resistir

Batalha perdida na luta relativamente pacífica em favor dos direitos cidadãos. As invasões a escolas (onde tiveram maior e ininterrupta duração) e vias públicas em dano nenhum resultaram para o plano federalmente aceito a nível de poder vigorar de restrições a gastos governamentais por 20 anos. As atividades regulares das instituições públicas nacionais e locais estão recomeçando com a presença do desafio de suprir as necessidades de inúmeros grupos sociais observando os limites ao emprego dos recursos de origem e utilidade populares. Reforço pede às mentes mais lúcidas a luta que tem por alvo obstruções à eficácia do programa de austeridade mais complexas do que o mostrado pela imagem que esses movimentos sociais apresentam dele, numa complexidade em tamanho que chega a conferir certa credibilidade aos grupos.

No há pouco fechado ano ajustes redutores na potência da máquina pública que podem surgir do arrocho no aproveitamento do combustível monetário, bem como planos para reestrutur…

Rede de ensino sob direção de maus ventos

Depois da cassação sofrida há pouco mais de dois anos e revertida no passado agosto, véspera de Campo Grande apagar novamente as velinhas, o prefeito Alcides Bernal (PP) continua o mesmo no modo de gerenciar o bem comum graças ao qual ficou em seu lugar o vice, de igual partido e caráter que em nada fez a capital progredir. Sua gestão tem direito a destaque peculiar na história pelos retrocessos nos padrões indispensáveis ao sustento pela cidade de sua influência econômica, política e social. O mais recente ilustre feito do chefe do Executivo municipal são as mudanças repentinas no comando de escolas e CEINFs (Centros de Educação Infantil). No presente momento contemplamos os conjuntos humanos decisivos ao futuro da sociedade – as novatas levas de cidadãos fadados a compô-lo e as pessoas dotadas de vastos conhecimentos acerca das relações humanas e naturais para ensinar os jovens a tal – sendo objeto na disputa por influência entre segmentos políticos que mutuamente se acusam de traba…

Água sem tratamento

O gerador da estação de tratamento de uma aldeia indígena de Corumbá, aqui no Mato Grosso do Sul, pifou e os índios estariam consumindo água imprópria. O Ministério Público Federal pediu à Secretaria de Saúde Indígena (Sesai) para resolver o problema. A secretaria informou que há um equipamanto novo em Campo Grande e está planejando como irá levá-lo até a comunidade.
Esse problema tem que ser resolvido. Os índios têm que ser tratados como seres humanos, assim como nós brancos. Eles também têm direito a consumir uma água de qualidade.

Direito fundamental

A Prefeitura de Corumbá, aqui em Mato Grosso do Sul, terá que fornecer coleta de lixo às comunidades ribeirinhas (perto de rios) Passo do Lontra e Porto da Manga. A população é obrigada a queimar o lixo para eliminá-lo.
Que bom que a população vai ter coleta de lixo! Esse serviço é muito importante para a saúde e o meio ambiente e todos têm direito. Colocar fogo em lixo nunca mais! Isso é péssimo.