Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Cidade de Deus

Safra em "desajuste" ao que foi investido nela

A mÍdia voltou a dar holofotes para a esquecida Tati Quebra Barraco no passado mês que transcorreu até a porta do fechamento do ano. Não para lançar novo álbum ou single, aproveitando o novo boom que seu gênero musical vem tendo, e sim acendendo-se à frente dela as luzes dos palcos que exibem as tragédias nossas de cada dia. Paralelamente às criticas ao possivelmente digno procedimento das forças policiais, a sub-celebridade, ao se questionar acerca de onde teria errado para que o filho se engajasse no mundo do crime que lhe rapinou a vida, deu um passo inicial na compreensão de como seu trabalho de fato (independentemente dos ganhos materiais) edificou sua própria estrutura familiar e a de grande parte do público, restando a atuação dos conhecedores desta verdade em clarificar perante a artista a resposta de sua interrogação.

A primeira incursão dessas mentes esclarecidas quanto à realidade desabrochou rumo à fanpage de Tati no Facebook logo após a morte de Yuri Lourenço da Silva, a…

Protesto na Prefeitura

Ontem, moradores da Cidade de Deus, comunidade pobre de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, foram à Prefeitura e fizeram um protesto no qual pediram moradias dignas.
O governo municipal tem que construir casas para estas pessoas humildes, que vivem em condições degradantes. Os barracos ficam perto do lixão da cidade, o que torna o local insalubre. Além disso, as moradias são de madeira, o que facilita a ocorrência de incêndios, como o que aconteceu neste fim de semana. Imaginem então o sufoco que esse pessoal passa nessas épocas de frio.
Essa é uma prova de que Campo Grande não é uma cidade sem favelas, ao contrário do que muitos pensam.