Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2017

Questão de honestidade individual e também de oportunidade no acesso à propriedade

Caso de polícia por nobres motivos, as fraudes com objetivo de burlar as cobranças pelo uso da energia elétrica demonstram ser em parte de suas aparições uma das variadas consequências de descompassos entre atos de governantes e certa parte da nossa sociedade, com réplicas noutras porções do mundo, relativos à garantia para cidadãos urbanos e campesinos de acesso e resguardo à posse de propriedades onde queiram fazer morada e/ou das quais pretendam tirar tirar o sustento econômico.

De mais de um mês para cá os adeptos dos "gatos" como alívio para as cobranças pelo consumo de eletricidade em Araçatuba e Birigui, no interior de São Paulo, tiveram interrompida por oportuna ação da Polícia Civil e da concessionária CPFL Paulista sua expectativa de se conservarem imunes às recompensas por parte das autoridades com fundamento nos efeitos colaterais da prática na segurança dos autores e de quem convive com eles e na ordem das finanças inerentes a um serviço de contínua importância …

A atual realidade do trabalho infantil no Brasil

A aprovação de um projeto de lei federal e trabalhos promovidos regionalmente têm o que somar no combate a esse crônico panorama de amadurecimento forçado e, por isso, incompleto de nossos jovens. Mas, dadas as mudanças evolutivas nas relações de trabalho a nível relativamente global e o panorama em que se inseriu a economia brasileira sem impedimento por tais avanços, vitórias em dita batalha serão certeza com ajustes na aptidão dos órgãos públicos para um continuamente eficaz labor objetivando detectar e coibir a prática e na consciência de setores sociais não ligados ao governo influentes sobre os menores, como a família e os provedores de entretenimento.

Se completar o trajeto necessário até a consagração como lei, uma proposta aprovada no recente dia 12 pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado que torna prioritário o atendimento a vítimas de trablho infanto-juvenil irregular a partir dos 14 anos no acesso a vagas de emprego como aprendizes encurtará a fila de espera d…

Maravilhosas criações do governo para benefício do povo subordinadas mais aos interesses práticos de ambos

O deputado estadual Amarildo Cruz (PT) trouxe à Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul proposta de lei para a criação de um cadastro de condenados por racismo e injúria racial semanas após o Executivo sancionar projeto da mesma Casa de Leis estabelecendo um banco de dados sobre destinatários de condenações por pedofilia. No uso que faz de uma aparente ocasião de harmonia laboral entre o corpo legislativo e o governo, o citado parlamentar anexa à sua ideia um discurso apologético não abrangente sobre o inteiro leque de problemas influentes na abordagem da temática, estimulando a relevância de um aprimoramento das respostas ao perverso fenômeno sobre o qual passa a versar a efetiva nova lei.

Através da sanção no dia 1° de agosto por seu líder Reinaldo Azambuja, nosso governo inicialmente topou o desafio de terminar o mês com a efetivação pela Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública de proposição de outro deputado, Coronel David (PSC). Atualizadas previsões dão conta de…