Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2014

Imposto de Renda não sofrerá reajuste, por enquanto

Uma Medida Provisória que previa reajuste de 4,5% na tabela do Imposto de Renda a partir de janeiro do próximo ano perdeu a validade nesta sexta-feira por não ter sido votada pelo Congresso Nacional em razão da Copa do Mundo, das convenções partidárias (reuniões que os partidos realizam para definir as candidaturas), dos recessos parlamentares neste mês e no próximo devido ao período eleitoral e da falta de entendimento para analisar a proposta. O reajuste foi anunciado por Dilma Rousseff no Dia do Trabalho. Agora será necessário editar uma nova MP, elaborar uma emenda para aumentar os valores do IR ou encaminhar ao Congresso um projeto de lei a respeito disso. Esperamos que nada seja feito para aumentar o IR. Bastam os numerosos e elevados impostos que já maltratam o bolso dos brasileiros! O(a) próximo (a) Presidente da República (que provavelmente não será mais Dilma) vai ter de tomar províncias para que os valores arrecadados por nós sejam empregados na quantidade e maneira adequa…

Inimigo dos direitos das mulheres e de suas famílias

O Ministério Público Federal ajuizou uma ação contra José Garcia de Freitas, o "Zé Braquiária", ex-prefeito da cidade de Paranaíba, aqui no estado, por improbidade administrativa. O órgão apontou omissão no gerenciamento de recursos federais disponibilizados em 2009 para serem investidos na instalação do Centro de Referência de Atendimento à Mulher em Situação de Violência; essas irregularidades acabaram impedindo os trabalhos. A Justiça Federal aceitou os argumentos do MPF. O ex-administrador municipal poderá perder os direitos polítcos por cinco anos e ser multado, impedido de contratar com o Poder Público por três anos e obrigado a devolver aos cofres governamentais valores equivalentes aos prejuízos. Ao não cuidar da utilização dos recursos provenientes de Brasília para assegurar o correto emprego destes, Zé Braquiária acabou com a chance que os moradores de Paranaíba e de municípios vizinhos tinham de poder contar com um melhor atendimento a mulheres em situação de ri…

Terror, destruição e mortes em presídio

No início da manhã deste domingo, iniciou-se uma rebelião na Penitenciária Estadual de Cascavel (PEC), com sede na cidade do mesmo nome no oeste do Paraná; o motim começou quando detentos renderam agentes penitenciários na hora em que estes serviam café da manhã, fazendo-os reféns juntamente com outros internos. As vítimas constantemente eram submetidas a tratamentos violentos, sofrendo diversos tipos de agressões; algumas foram até decapitadas ou atiradas do telhado do prédio, cuja altura chega a 15 metros. As instalações do presídio sofreram muitos danos; objetos e equipamentos usados pelos detentos e funcionários foram quebrados, espalhados pelo chão e/ou queimados; nas paredes, a sigla da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), que se originou em São Paulo e atua em todo o país, foi pichada de várias formas, inclusive com sangue. Cinco presos morreram e houve uma grande quantidade de feridos. A situação só foi completamente controlada na madrugada desta terça-feira. Mu…

Trambolhos geram problemas em ruas

Moradores das ruas Antônio João Ribeiro e Pedro Rodrigues, aqui em Itaporã, se queixam dos transtornos causados pelo trafego excessivo de carros de passeio e, principalmente, caminhões, como o excesso de barulho e o enorme risco de acidentes; a movimentação começa no início da manhã e se estende até o fim da noite. Em uma reunião promovida na terça-feira da semana passada entre os moradores, o prefeito Wallas Milfont e os vereadores, foi apresentada a proposta de transformação das vias em mão única para desviar parte do tráfego; a rua Duque de Caxias, por onde passarão vários caminhões que atualmente trafegam pelas mesmas, terá reforço na sinalização. Agora, é preciso estudar essa proposta antes de colocá-la em prática, avaliando osf benefícios e prejuízos de diversos tipos que poderá causar. Mas, seja qual for a decisão tomada, esperamos que os recursos públicos sejam adequadamente empregados na resolução do problema. As pessoas que moram e trabalham na região têm direito a sossego…

Cardiologistas se reúnem para aperfeiçoar seus conhecimentos

Ocorreu entre os dias 21 e 23 em Cuiabá o XVII Congresso de Cardiologia de Mato Grosso, no qual profissionais dessa especialidade discutiram assuntos como diabetes melitus, insuficiência coronária, cardiomiopatias, arritmias cardíacas, cardiologia de esporte, dentre outras doenças e procedimentos, e novas tecnologias destinadas à área, como a angiotomografia das artérias coronárias, exame que as avalia sem a necessidade de se fazer cateterismo, e a ressonância cardíaca, que fornece imagens do coração com alta qualidade. Nessa reunião, os profissionais presentes puderam participar de atividades que tinham como intuito atualizar seus conhecimentos sobre os problemas de saúde e procedimentos discutidos e se informar a respeito das inovações tecnológicas. É provável que também tenham sido elaboradas propostas de ações para pedir aos governantes do Mato Grosso e até do restante do país providências que tenham por finalidade facilitar o acesso de trabalhadores da saúde pública e de toda a …

Pacientes serão remanejados para outro hospital

Na última quinta-feira, foi anunciado o fechamento do setor de oncologia da Santa Casa de Campo Grande, aqui no estado. A decisão foi tomada em virtude dos casos de trêa mulheres que, no mês passado, morreram após tratamentos de quimioterapia devido a possíveis falhas na manipulação dos medicamentos. Os pacientes serão transferidos aos poucos, dentro de seis meses ou um ano, para o Hospital de Câncer Alfredo Abrão. Segundo Gilmar Olarte, prefeito da capital, a desativação aumentará o número de vagas em outras especialidades na Santa Casa e o repasse de recursos para o outro hospital será ampliado quando as contas públicas estiverem em equilíbrio. Com a transferência dos pacientes, haverá aumento na demanda do hospital Alfredo Abrão. Por isso, a Prefeitura deverá fazer de forma adequada o repasse dos recursos, que terão de ser investidos em melhorias na estrutura da instituição, como ampliação de seu espaço físico, compra de mais equipamentos, remédios, instrumentos cirúrgicos e outro…

Casal de idosos é vítima de larápios

No último dia 12, um idoso de 82 anos e sua esposa de 75 foram vítimas do "golpe da mangueira do botijão de gás" na cidade de São Fidélis, no interior do Rio de Janeiro. Dois homens que aparentavam ter cerca de 50 anos entraram na residência do casal, localizada no bairro São Vicente, onde fizeram supostos reparos no botijão, mesmo não havendo solicitação de conserto por parte dos donos da casa, e teriam sumido com R$ 2 mil pertencentes aos moradores. Os suspeitos ainda não foram localizados. Esperamos que as autoridades localizem esses gaturebas mais cedo ou mais tarde e coloquem-nos na cadeia, onde devem permanecer por muito tempo por terem cometido essa injustiça contra os idosos. A quantia em dinheiro roubada fará falta para as vítimas, pois com certeza seria gasta com alimentos, vestimentas e tratamentos de saúde. Além disso, é provável que os vigaristas tenham feito incorretamente o conserto no botijão, colocando em risco a segurança dos moradores, das pessoas que co…

APAE se aproxima da população

Aqui em Itaporã, foi realizada na noite desta sexta-feira no Salão Paroquial da Igreja Matriz de São José, uma solenidade de abertura da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, promovida pela APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais). Foram mostrados ao público projetos educacionais dos quais participam alunos da instituição; alguns deles participaram de apresentações culturais. Até o dia 28 deste mês, a associação promoverá atividades como visitas em escolas, abertura de seu espaço para que o povo possa conhecê-lo etc. Eventos dessa natureza serão promovidos em todo o Brasil. A APAE e as demais instituições que atendem portadores de deficiências e outros problemas de saúde realmente devem realizar ações para conscientizar os governantes e toda a sociedade sobre a importância dos trabalhos que desenvolvem e, assim, conseguir mais facilmente parcerias com empresas, o Poder Público, organizações não governamentais e demais instituições de caridade pa…

Equipamentos antigos de praça serão reaproveitados

A Prefeitura de Araçatuba, no interior de São Paulo, reutilizará materiais como postes, globos de iluminação, pedras e partes de bancos, antes pertencentes à praça Rui Barbosa, na manutenção de outras praças da cidade. Eles estão estocados no pátio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos e serão usados de acordo com a demanda. A princípio, essa ideia e boa, pois, ao evitar o descarte dos materiais, vai prevenir desperdício de dinheiro público na compra de novos e possíveis problemas ambientais, além de servir de exemplo para que os araçatubenses passem a reciclar os resíduos que produzem no dia-a-dia. Entretanto, antes de reutilizar os objetos, os responsáveis palos reparos nas praças devem verificar se estes ainda estão em condições de uso e, se possível, restaurá-los. Isso ajudará a manter os locais em bom estado, trazendo conforto e segurança aos frequentadores.

Prefeitura terá que reduzir número de secretarias

Em Água Clara, aqui no estado, a promotora de Justiça Ludmila de Paula Castro Silva recomendou que o prefeito da cidade, Silas José da Silva (PSDB), unifique as secretarias de; Educação, Esporte e Cultura; Administração e Finanças; e Desenvolvimento Econômico Sustentável, Meio Ambiente e Turismo. Essas secretarias tinham praticamente as mesmas funções e o número de funcionários era baixo; além disso, não havia necessidade de criação dos órgãos, já que não houve aumento no volume de trabalho. As três primeiras secretarias não deveriam sofrer fusão, pois a educação, o esporte e a cultura são áreas diferentes e a concentração das funções nas mãos de um único órgão diminuirá a eficiência dos serviços prestados. Já as demais realmente precisam ser unificadas, pois são praticamente cópias uma da outra e só estão servindo para desperdiçar recursos públicos e, provavelmente, também para privilegiar com empregos pessoas que têm algum tipo de relação com o prefeito, os vereadores e demais memb…

Oportunidade para mudar a história do Maranhão

No último dia 31 foi lançada a campanha "Um Maranhão mais justo, um Maranhão sem Sarney". O Brasil inteiro poderá fazer doações em dinheiro à campanha do candidato a governador Flávio Dino (PCdoB) através do site http://financiamentopopular.flaviodino65.com.br/ Neste ano, ninguém da família Sarney participará ativamente das eleições. Mas, se Lobão ganhar, e provável que os veteranos o manipulem às escondidas para continuarem comendo com farinha o dinheiro público, o que impedirá melhoras na economia e na qualidade de vida dos maranhenses. Os demais candidatos também devem tomar medidass que os auxiliem a conseguirem recursos para suas campanhas; o povo também colaborar evitando vender seu voto a políticos picaretas e as autoridades (polícia, Justiça e afins), fazendo f Iscalizações para prevenir essas irregularidades e punindo quem insistir em praticá-las. Tudo isso ajudará o estado a se livrar da bandalheira.

Efetivo de policiais aumentará

Nesta sexta-feira, o governo daqui do estado publicou duas resulações que convocam cerca de 945 policiais militares e mais de 400 policiais civis aprovados em concursos públicos para começarem a exercer suas funções. Agora o governo tem que distribuir os policiais por todo o território do estado de acordo com as necessidades de cada região, oferecer-lhes bons salários e investir em tudo que for necessário para melhorar as condições de trabalho destes, como reformas em delegacias, aquisição de viaturas, uniformes, armamentos, equipamentos de informática e perícia etc. Essas ações ajudarão no combate ao crime e na elucidação dos que ocorrerem, mostrando aos criminosos que os atos ilícitos não compensam e trazendo à população sul-matogrossense a sensação de maior segurança.

Trabalhadores temporários têm acesso a alfabetização

Em Itapemirim, no sul do Espírito Santo, cortadores de cana-de-açúcar vindos do Nordeste (principalmente de Alagoas) estão aprendendo a ler e escrever frequentando a escola durante a noite. Muitos não tiveram acesso à educação, principalmente por terem que trabalhar desde muito cedo. Comumente, nordestinos viajam para o Espírito Santo com o intuito de trabalhar no corte da cana, permanecendo na região por seis meses. Além de batalharem para conseguir recursos destinados ao sustento de seus familiares, os trabalhadores estão dando os primeiros passos na busca pelo conhecimento. Mas, para que eles continuem os estudos a fim de melhorar suas condições socioeconômicas e para que crianças e adolescentes não tenham no futuro as dificuldades pelas quais esses cidadãos estão passando, os governos municipais e estaduais de Alagoas e dos demais estados nordestinos, assim como a União, devem tomar providências para coibir o trabalho infantil e manter os jovens nas escolas (fiscalizações e progr…

Trajeto mais curto

Será construída provavelmente em outubro uma ponte sobre o Rio Paraguai que ligará a cidade de Porto Murtinho, aqui no estado, ao país vizinho. A obra, que foi incluída no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) 3 e faz parte da chamada "Rota Bioceânica Atlântico-Pacífico", vai reduzir pela metade o tempo que os produtos sul-matogrossenses demoram para chegar aos países para onde são exportados. Atualmente as mercadorias são levadas até o porto de Paranaguá, no Paraná; após a conclusão da ponte, elas, depois de passarem pela estrutura, também atravessarão o território boliviano até chegarem ao porto de Iquique, no Chile. A construção dessa ponte implicará em impactos positivos na economia do estado. A redução do tempo necessário para levar os produtos até os mercados consumidores ajudará na redução das despesas relacionadas ao transporte e, consequentemente, do preço das mercadorias; também haverão melhoras na qualidade destas. Tudo isso fará com que elas sejam bem valo…

Campanha presidencial perde um candidato

Na manhã desta quarta-feira o candidato à presidência Eduardo Campos (PSB) e outras seis pessoas que o acompanhavam (pilotos e funcionários) morreram em um acidente aéreo. O avião no qual todos iam do Rio de Janeiro a Guarujá, no litoral paulista, caiu em um terreno no bairro residencial Boqueirão, na cidade vizinha de Santos. Imóveis localizados nos arredores do local do acidente sofreram danos e várias pessoas que estavam neles se feriram, mas sem gravidade; a tragédia só não foi maior porque o piloto que conduzia a aeronave no momento havia feito manobras para desviar de construções e, com isso, evitar que elas fossem atingidas em cheio. As caixas-pretas e parte dos destroços do avião foram levados a Brasília para ajudar nas investigações da tragédia, para a causa da qual há várias hipóteses, como mau tempo e falha mecânica. Independentemente das circunstâncias em que ocorreu e sua(s) causa(s), esta tragédia reduz as possibilidades de mudanças positivas na política nacional. Se Ed…

Feira terá horário de funcionamento estendido

Em Fátima do Sul, aqui no estado, a Feira do Produtor, destinada à comercialização de gêneros agrícolas produzidos na zona rural do município e realizada nas quartas-feiras e domingos, passará a funcionar durante a noite nas quartas. Essa mudança vai contribuir para aumentar a clientela da feira, ajudando no crescimento dos lucros dos trabalhadores e beneficiando a economia local. Mesmo com a correria do dia-a-dia, o povo de Fátima do Sul terá mais tempo disponível para adquirir alimentos de boa qualidade produzidos naturalmente. Os órgão governamentais dos municípios, dos estados e da União deveriam tomar medidas como essa e várias outras para fortalecer o trabalho dos pequenos produtores rurais. Em várias regiões, estes exercem mais influência na economia das mesmas que os grandes e ricos proprietários, que, muitas vezes, comercializam grande parte de sua produção em outros estados e até no exterior. Isso onde há prósperas propriedades, pois em muitas áreas a pobreza predomina. Ne…

Enxurrada de aumentos de tarifas poderá inundar o Brasil depois das eleições

Após as eleições presidenciais de outubro, os valores de tarifas controladas pelo Governo Federal, como energia elétrica, combustíveis e transporte público, poderão subir. Desde o ano passado, a União vem impedindo os reajustes. O governo de Dilma não está sabendo administrar os recursos destinados a estes e outros serviços; até a imprensa estrangeira afirma isso. E a situação piorou com o uso de enormes quantidades de recursos públicos nas obras da Copa, muitas delas malfeitas. Agora, Dilma fará de tudo para convencer os brasileiros a votarem nela (tentando esconder esses problemas, por exemplo) e, após as eleições, permitirá arrombamentos nos bolsos dos cidadãos, diminuindo a capacidade de consumo destes e, dessa maneira, afetando seriamente a economia nacional. E a coisa pode ficar pior se algum partido da oposição (especialmente o PSDB) vencer, pois o PT poderá bagunçar ainda mais as contas públicas para, intencionalmente, atrapalhar o trabalho do próximo presidente. Esperamos qu…

Escola problemática

Na semana passada ocorreram atos de vandalismo e prisões por tráfico de drogas na Escola Estadual Rodrigues Alves, aqui em Itaporã. Na madrugada da segunda-feira, vândalos furtaram um monitor de computador e fizeram pichações no prédio; até agora nenhum foi localizado. Entre terça e sexta-feira, três jovens foram detidos em flagrante por venderem maconha a alunos. De acordo com a direção do estabelecimento de ensino, o comércio e o consumo de drogas são comuns no local. A direção tem que tomar urgentemente medidas para reverter essa situação antes que ela saia definitivamente do controle. Deve-se, por exemplo, pedir para a polícia realizar com frequência rondas nos arredores do prédio e até em seu interior, quando for necessário; também é muito importante a execução de atividades culturais, esportivas e de outros tipos que tenham como objetivo afastar os jovens da criminalidade e das drogas. Se nenhuma providência for tomada, a Secretaria de Estado de Educação tem que agir, advertin…

Bens públicos utilizados para o mal

Em maio do ano passado, artigos na enciclopédia virtual Wikipédia sobre os jornalistas Miriam Leitão e Carlos Sardemberg foram alterados com a publicação de ofensas contra estes; Miriam, por exemplo, foi acusada de ter defendido o banqueiro Daniel Dantas, que foi condenado por corrupção e outros crimes contra o patrimônio público, e de fazer análises econômicas "desastrosas". Descobriu-se, por meio do endereço IP dos computadores de onde partiram as modificações, que estes eram do Palácio do Planalto, em Brasília. O escândalo veio à tona há alguns dias, com a publicação de uma reportagem no jornal O Globo. A presidente Dilma Rousseff pediu a abertura de uma sindicância para investigar o caso. Há muito tempo eu li o artigo sobre Miriam Leitão, no qual realmente estava escrito que ela teria feito análises "desastrosas". Quanto à acusação de apoio a Daniel Dantas, não me lembro de ter lido nada. Essa última é a mais grave e pode ter, de alguma forma, denegrido a imag…

Prefeitura utilizará hospital privado temporariamente

A Prefeitura de Campo Grande, aqui no estado, arrendará por três anos o Hospital Sírio-Libanês para a implantação do Hospital da Criança. A administração municipal vai pagar R$ 193 mil por mês. Além disso, esta também vai investir na construção de um estabelecimento próprio. O Ministério Público Estadual (MPE) vai realizar uma investigação que tem como objetivo verificar se há ou não irregularidades no contrato de arrendamento; o prefeito Gilmar Olarte afirmou que mostrará toda a documentação necessária para o andamento dos trabalhos. Devido ao fato de o Sírio-Libanês ser um hospital privado, sua estrutura sem dúvida é muito melhor que a da caótica Santa Casa e das demais unidades de saúde da capital. Isso contribuirá para a melhora no atendimento prestado às crianças da cidade, situação que precisa ser mantida após a conclusão das obras do novo espaço, com a aquisição de equipamentos da maior qualidade possível e emprego de profissionais bem qualificados. Em situações normais, o M…

População faz o papel do Poder Público

Há vários dias, moradores do bairro Mocambinho, em Teresina, no Piauí, se juntaram e pagaram trabalhadores para limpar um terreno onde deveria ser construída uma praça, mas foi tomado pelo mato e se transformou em depósito de lixo, entulhos e animais mortos. Além disso, não há iluminação no local. Não é a primeira vez que a população do bairro toma, por conta própria, medidas para melhorar a situação de espaço; já foram plantadas árvores no mesmo. A sorte é que os habitantes do bairro se unem para fazer as manutenções no terreno. Se não fosse isso, a situação estaria pior! Mas, mesmo assim, é necessário que os governantes (principalmente os municipais) se empenhem para resolver definitivamente os problemas, já que essas ações com certeza não surtem tanto efeito, não podem ser realizadas com tanta frequência pelos membros da comunidade devido a suas condições financeiras e trazem riscos aos trabalhadores contratados para realizá-las em razão da falta de equipamentos e preparo adequado…

Produtor rural negligente com seu gado

O produtor rural Manoel Osvaldo da Silva foi a uma delegacia em Sidrolândia, aqui no estado, em virtude dos prejuízos que o gado de seu vizinho Jociel da Cruz dos Santos vem causando em sua propriedade. Recentemente os bois de Jociel derrubaram uma cerca e entraram no terreno de Manoel, onde destruíram plantações de mandioca e milho; não é a primeira vez que isso acontece. De acordo com a polícia, o proprietário dos bovinos pode responder por omissão de cautela na guarda e condução de animais e terá que ressarcir os danos. Agora o pecuarista terá que fazer adequações em sua propriedade para evitar a fuga dos bois. Seu vizinho também merece ganhar o pão de cada dia sem ser importunado. Se tudo continuar do mesmo jeito, a polícia não terá outro remédio a não ser a prisão do infrator, já que sua imprudência está causando sérios prejuízos financeiros a Manoel (que está praticamente impossibilitado de oferecer boas condições de vida à sua família e realizar mais investimentos em melhori…

Quem nada produz deve cair fora!

O governo de Svalbard, arquipélago (conjunto de ilhas) com cerca de 2 mil habitantes ao norte da Noruega, proíbe o desemprego. Pessoas que não exercem nenhuma atividade remunerada são obrigadas a deixar a região. Nem os aposentados escapam, a menos que consigam provar sua capacidade de se sustentar. Essa norma tem como objetivo prevenir crimes. O enfrentamentqo à crminalidade se faz mediante ações inteligentes, como a elaboração de leis rígidas para punir criminosos e investimentos em melhorias na segurança pública e na educação, coisas que com certeza são muito bem feitas pelo governo da Noruega. Portanto, esse país de primeiro mundo que tem o mais alto IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) não precisa tomar medidas opressoras e preconceituosas como essa. Sem dúvida, não é fácil procurar emprego em Svalbard devido ao seu baixíssimo índice populacional, e ninguém está livre de, por algum motivo, não poder trabalhar um dia. Além disso, nem todo desempregado vira bandido e nem todo cr…

Cuidado para não perder o prazo!

Segundo a ENERSUL (Empresa Energética de Mato Grosso do Sul), cerca de 110 mil famílias beneficiadas pelo programa federal Tarifa Social (que beneficia pessoas de baixa renda com descontos na conta de energia elétrica) poderão perder o benefício se não fizerem recadastramento até outubro. Na semana passada a concessionária e o CONCEN/MS (Conselho dos Usuários de Energia de Mato Grosso do Sul) se reuniram para discutir ações que deverão ser feitas com o intuito de avisar os beneficiários sobre isso. Esse programa é a salvação de muitas famílias de baixa renda, pois evita que estas tenham de pagar contas de luz cujos valores não condizem com suas condições financeiras com as poucas quantias destinadas à compra de artigos essenciais, como alimentos, remédios, roupas e produtos de higiene e limpeza. O mesmo deveria ser feito com outros impostos, cobranças e taxas. Como em qualquer outro programa de auxílio social, os beneficiários têm o dever de fazer recadastramentos. Estes permitem a…

Apoio ao empreendedorismo no Nordeste

No último dia 25, ocorreu na Sala de Reuniões da Secretaria de Educação da cidade de Alhandra, no interior da Paraíba, o 1° Encontro de Agentes de Desenvolvimento da Zona da Mata Sul do estado, que tem como meta a ampliação das atividades voltadas ao empreendedorismo. Entre os participantes estavam o secretário de Administração do município, Severino Rufino, a coordenadora da Sala do Empreendedor, Laudenize Pergentino, agentes de desenvolvimento de várias cidades e consultores e coordenadores do SEBRAE-PB. No Nordeste, assim como em qualquer outra região do Brasil, com certeza há muita gente que tem talento para algum tipo de negócio, mas não pode investir nisso devido à falta de condições. Por esse motivo, é necessário que o SEBRAE e outras entidades nacionais e locais façam na região mais ações com o objetivo de oferecer mais preparo e estrutura aos empreendedores e, dessa forma, ajudando os sonhos destes a decolarem; pode-se tomar medidas como oferecimento de ajuda financeira a es…

Por mais segurança na fronteira

Foi realizada na manhã desta sexta-feira na sede da Associação Comercial e Empresarial de Ponta Porã, aqui no estado, uma reunião entre o presidente desta, Eduardo Gaúna, e presidentes e representantes de várias entidades para discutir sobre segurança pública. No final, foi decidido que nesta quarta-feira ocorrerá mais uma reunião na qual serão apresentadas propostas a serem encaminhadas à administração municipal a fim de resolver os problemas da área. E mais uma será realizada no próximo dia 15 em Campo Grande juntamente com o secretário estadual de justiça e segurança pública Wantuir Brasil Jacini. Devido à proximidade de Ponta Porã com a cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, há um grande fluxo de pessoas e bens entre as duas localidades. Entre essas pessoas há criminosos, que transportam, vendem ou utilizam produtos ilícitos, como armas, drogas e mercadorias falsificadas ou contrabandeadas. Isso contribui para os altos índices de criminalidade nesta área fronteiriça. E, além…

Mesmo com longo prazo, cidades não se adequam a lei

Termina neste sábado o prazo dado a todas as cidades brasileiras para se adequar à Política Nacional de Resíduos Sólidos, que prevê a extinção dos "lixões" (os grandes terrenos onde o lixo é jogado a céu aberto) e a destinação dos resíduos a aterros sanitários, reciclagem ou compostagem, dependendo do material. A PNRS foi sancionada há exatamente 4 anos (em 2 de agosto de 2010), mesma data em que o prazo começou a vigorar. Cerca de 60% das cidades de todo o psís não tomaram providências, podendo receber multas milionárias e deixar de receber recursos do Governo Federal, além do risco de os prefeitos perderem seus mandatos. Não haverá prorrogação oficial, mas os municípios que quiserem esticar o prazo para poderem cumprir a lei poderão fazer acordos com o Ministério Público. Os governantes municipais tiveram muito tempo para analisar e executar ações para dar destino correto ao lixo, mas não fizeram isso por incompetência! E as autoridades ainda vão dar uma chance a eles! Pr…

Índios querem educação mais digna

A rodovia MS-156, entre Dourados e Itaporã, está interditada desde a quarta-feira por índios das aldeias Bororó e Jaguapiru. Eles exigem melhorias nas escolas das aldeias e valorização dos profissionais. Os colégios enfrentam vários problemas estruturais, como superlotação em salas de aula, falta de ventilação, iluminação, material didático e carteiras, além do mau estado em que se encontram os banheiros. E cerca de 800 crianças da região não estudam por falta de vagas. Antes deste bloqueio, os habitantes da área já haviam feito outro há vários dias. Ao permitir essas situações desumanas nas aldeias indígenas, enquanto as escolas urbanas recebem os melhores investimentos, os governos municipais, estaduais e a União acabam discriminando seus habitantes. Aliás, nenhum grupo social merece esse tratamento! A igualdade de todos perante a lei, prevista na Constituição, não está sendo posta em prática. E não adianta o Poder Público realizar eventos para conscientizar a população sobre a con…