Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2013

Negócio ilegal e perigoso

Há poucas semanas atrás, a venda ilegal de gasolina em várias regiões do país foi denunciada em uma reportagem do Fantástico.
O risco de explosão e incêndio é altíssimo. As autoridades competentes deveriam fazer mais fiscalizações para acabar com essa atividade. Quem trabalha com isso está, ao mesmo tempo, arriscando a sua própria vida, a dos clientes e a de quem mora ou passa por perto dos pontos de venda.

Doação de instrumentos

O governador daqui de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli, entregou nesta sexta-feira instrumentos para bandas e fanfarras das cidades de Caracol, Jaraguari e Jardim.
Os governantes devem apoiar todo e qualquer projeto social. Essas atividades afastam as crianças e os jovens do crime e das drogas.

O perigo das cidades próximas a rios

A população de Bela Vista, aqui no Mato Grosso do Sul, e de várias cidades do Paraná e de Santa Catarina está sofrendo com chuvas e inundações.
A raiz do problema está no passado. Essas cidades foram fundadas perto de rios. Acho que antigamente não se sabia do perigo de inundação (ou talvez esse risco até era conhecido, mas era ignorado).

Reabertura de museu

Será realizada nesta quarta-feira uma reunião para discutir a reabertura do Museu do Escravo de São Vicente, no litoral de São Paulo. O museu foi interditado porque estava bastante deteriorado.
É, ao mesmo tempo impressionante e revoltante, o desleixo com que o Brasil trata o patrimônio histórico. Na Romênia, um país da Europa, há muitos castelos bem conservados, alguns deles de madeira. Se fosse aqui, eles já teriam desmoronado faz tempo.

Tragédia precoce

Uma pesquisa feita pelo IBGE mostrou que muitos adolescentes de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, já se envolveram em brigas utilizando armas de fogo ou já experimentaram álcool, cigarro ou drogas ilícitas. Hoje em dia os jovens estão indo para o buraco cada vez mais cedo.
Tanto os pais quanto a escola são culpados por essa tragédia. Muitas vezes os pais trabalham o dia todo e, para piorar, não conversam com os filhos nem na hora do jantar. E, em vez de orientar os alunos sobre os riscos das drogas, as escolas brasileiras ensinam um monte de conteúdos difíceis que a gente nunca vai utilizar na vida.

Falta de respeito aos idosos

Asilos de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, não têm como receber mais pessoas em virtude da diminuição dos repasses de verbas da Prefeitura. O Ministério Público Estadual acionou a Justiça para obrigar o município a custear o acolhimento de idosos em instituições particulares.
Será que as autoridades da capital não percebem a importância dos asilos? Essas entidades são a última casa dessas pessoas, que não têm parentes por perto ou foram abandonadas por estes. Qualquer um de nós pode precisar desses locais no futuro.

Morte de motociclista

Na madrugada de ontem, um rapaz de 21 anos morreu em um acidente em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. Ele perdeu o controle da moto, bateu em um canteiro, foi arremessado e bateu a cabeça em um poste. A polícia acredita que ele estava em alta velocidade.
Isso é um alerta aos motoqueiros para que não corram. Imaginem como deve estar nesse momento a família deste jovem, que tinha um futuro pela frente e acabou morrendo por causa de imprudência no trânsito.

Tentativa de homicídio

Na noite de ontem uma mulher foi atingida por dois tiros dentro de casa em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. O principal suspeito é o ex-marido, que está foragido.
Infelizmente, muitos homens ainda se consideram donos das mulheres. Quando o relacionamento acaba, não adianta insistir. Tem tanta mulher solteira por aí.

Desperdício de dinheiro público

Inaugurado há mais de um ano, o Hospital Universitário de Teresina, no Piauí, está sendo subutilizado (utilizado menos do que seria possível). Além disso, faltam remédios e alimentos.
Depois os políticos acham ruim quando a população reclama dos altos impostos. De que adianta cobrar imposto alto se o dinheiro não é utilizado corretamente?

Educação precária

No meio do ano letivo, alunos de escolas do Rio de Janeiro e de São Gonçalo ainda estão sem uniforme, material e RioCard, um tipo de cartão utilizado no transporte escolar.
Isso é uma falta de compromisso do governo para com os estudantes. Dizem que as crianças são o futuro do país. Porém, se a situação continuar como está, o Brasil não vai avançar nunca.

Criança vítima da violência

Essa é uma história que deixa qualquer um revoltado. Na madrugada de hoje, bandidos assaltaram uma casa em São Paulo e mataram um menino de cinco anos com um tiro na cabeça depois que a mãe mostrou uma carteira vazia.
A polícia ainda não tem pistas dos monstros que fizeram essa barbárie. Espero que esses selvagens sejam presos logo. Eles têm que pagar pela besteira que fizeram!

Deputado corrupto

A Polícia Federal informou que o deputado Natan Donadon, de Rondônia, é tido como foragido desde as 10 horas desta manhã.
A população precisa ter cuidado na hora de votar. Esses políticos desonestos não caíram do céu. Eles estão no poder porque foram eleitos pelo povo. Como dizia o Faustão, "urna não é penico".

Uso da cadeirinha

Há alguns dias atrás, um carro se chocou contra um caminhão em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. Nele estava uma criança, que sofreu traumatismo craniano, e seu pai. Apesar de haver uma cadeirinha no veículo, a criança não estava utilizando o equipamento.
Isso serve de alerta para os pais que só colocam as crianças na cadeirinha para não ser multados. Eles devem pensar mais na segurança dos filhos. As multas são apenas uma maneira de iintimidar as pessoas para que elas cumpram as leis.

Corrupção até na Igreja

Documentos apreendidos pelo Ministério Público Estadual do Espírito Santo mostram que líderes da igreja Maranata (aquela que desviava o dízimo, dinheiro dado pelos fiéis) praticavam espionagem contra membros, ex-fiéis e testemunhas.
É lamentável ver pessoas se utilizando da palavra de Deus para cometer maldades. Esse tipo de gente nunca receberá o perdão divino.

Reintegração de posse

Na manhã de hoje, várias famílias foram retiradas de um terreno que invadiram no Parque São Rafael, bairro da cidade de São Paulo.
Muitas famílias invadem terrenos alheios por não ter onde morar. Então, para acabar com esse problema, os governantes  (não só de São Paulo, mas do país inteiro) deveriam construir mais casas populares.

Inocente ou culpado?

A Câmara Municipal de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, terá que convocar a suplente Magali Picarelli para para ocupar o cargo do presidente Mário César, que foi cassado por suspeita de compra de votos. Porém, ela pode permanecer por pouco tempo, pois poderá haver uma recontagem dos votos do vereador.
É preciso averiguar a situação para ver se o Mário César realmente cometeu irregularidades. E se ele for inocente?

Mortes por leishmaniose

Neste ano a doença já matou nove pessoas aqui em Mato Grosso do Sul.
Isso é resultado do descuido da população e do poder público. Aqui no estado e no resto do país, há terrenos abandonados. Parte destes é particular, enquanto outros pertencem ao poder público, que acaba dando mau exemplo ao não cuidar deles.

Punição para os corruptos

O Senado aprovou um projeto de lei que inclui corrupção e peculato na lista de crimes hediondos. Como é que eles não pensaram nisso antes?

Crime bárbaro

Ontem o delegado aposentado Paulo Magalhães foi morto a tiros dentro de seu carro em frente à escola da filha em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. Os bandidos fugiram após o crime.
Paulo presidia a associação Brasil Verdade, cujo site denunciava crimes e corrupção, especialmente na administração pública. Ele respondia a processos por calúnia e difamação. Porém, nada justifica uma atrocidade dessas. Imaginem o que aconteceria se todas as pessoas que se sentissem caluniadas resolvessem matar ou mandar matar seus caluniadores. O mundo com certeza seria um caos.

Brutalidade

Uma atriz foi atacada com ácido no Paquistão por seu prodeutor depois
de recusar uma proposta de casamemto com ele.
Agora a carreira dela foi por água abaixo por causa dessa atitude monstruosa. Ninguém é obrigado a se casar com ninguém a força. No Paquistão as mulheres são muito discriminadas.

Rejeição

A Câmara dos Deputados acaba de rejeitar a PEC (Propste de Emenda à Constituição) 37, que impediria o Ministério Público de investigar crimes.
Que bom que o pessoal da Câmara atendeu ao pedido da população! A aprovação da proposta seria um enorme retrocesso para o Brasil.

Banho de sangue no Rio de Janeiro

A noite de ontem foi marcada por muita violência no Rio. A operação realizada pelo BOPE na favela Nova Holanda, no Camplexo da Maré, teve o seguinte saldo: apreensões de armas e drogas, 9 presos, 9 feridos e 9 mortos (entre eles bandidos, um policial, que morreu cumprindo sua missão de proteger a sociedade, e um morador, que não tinha nada a ver com a guerra travada entre polícia e criminosos).
Moradores denunciam excessos cometidos pela polícia. Acho que isso acontece devido ao estresse vivido por esses trabalhadores. Seria bom se no Brasil inteiro os policiais passassem por acompanhamento psicológico.

Internet no interior

Foram lançados quatro satélites que levarão sinal de internet à população do interior do Amazonas.
Isso sem dúvida facilitará a vida das pessoas que vivem nessa região. Os estudantes, por exemplo, terão mais facilidade para fazer pesquisas.

Compra de votos

O presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, Mário César Oliveira da Fonseca (PMDB) teve o mandato de vereador cassado por compra de votos.
Essa é uma forma que alguns políticos encontraram de trapassear. E ainda tem gente que vende seu voto em troca de favores. Quem faz isso está vendendo o futuro da cidade, do estado e do país. Todos nós devemos ter consciência; voto não é mercadoria.

Consulta ao povo

Durante uma reunião com prefeitos e governadores estaduais, a presidente Dilma Rousseff propôs a realização de um plebiscito para fazer uma reforma política.
Isso mesmo! Os governantes devem consultar o povo antes de tomar qualquer decisão. É o povo que realmente sabe o que está bom ou ruim neste país.

Progresso para o estado

Várias empresas multinacionais da Europa e dos Estados Unidos se instalarão aqui no Mato Grosso do Sul.
Que notícia boa! Essas empresas vão gerar muitos empregos e contribuir para o desenvolvimento da economia sul-mato-grossense.

Presos na Espanha

A polícia espanhola prendeu oito pessoas suspeitas de recrutar combatentes para a guerra civil da Síria.
Alguma coisa tem que ser feita para acabar com essa guerra, qua está arrasando a Síria e matando muitos inocentes. O país se tornará campeão mundial em número de refugiados.

"Lei dos 'motoristas fichas sujas' "

Esse é um projeto de lei apresentado pelo deputado estadual Ismael dos Santos, de Santa Catarina, que prevê a criação de uma lista com os nomes de motorisstas que dirigiram alcoolizados.
Alguma coisa tem que ser feita para acabar com as tragédias causadas por esses irresponsáveis. Se isso virar lei, os catarinenses vão pensar duas vezes antes de beber e dirigir.

Indústria em chamas

Nesta quarta-feira (19), um incêndio destruiu uma indústria química em Taboão da Serra, na Grande São Paulo.
A boa notícia é que ninguém se feriu, mas, infelizmente, os empregos dos funcionários se foram junto com a fábrica. Isso serve de alerta para que as empresas do setor químico tenham mais cuidado na fabricação, manuseio, transporte e armazenamento das substâncias.

Apagando pichações

Hoje, em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, um mutirão apagou pichações feitas em um monumento chamado Obelisco.
Apesar das campanhas realizadas na capital, muita gente insiste em danificar o patrimônio público. Esses vândalos deveriam largar a pichação e começar a praticar  grafite. Isso sim é arte!

Questão de saúde pública

Apenas 12% da população de Santa Catarina é atendida por rede de esgoto. Isso é uma vergonha para os catarinenses, pois o estado é um dos mais desenvolvidos do Brasil.

Barril de pólvora

Em Alagoas há muitas fábricas clandestinas de fogos de artifício. Nelas é possível encontrar várias irregularidades, como pessoas fumando e trabalhadores sem equipamento de segurança.
As autoridades competentes (bombeiros, Exército) deveriam tomar alguma providência para evitar uma tragédia semelhante à explosão que matou 64 pessoas e feriu 5 em Santo Antônio de Jesus, na Bahia, em 1998. Depois que acontecer uma coisa dessas, não adianta chorar sobre o leite derramado!

Aumento do desemprego

O ministro do Trabalho da França, Michel Sapin, disse que o desemprego continuará aumentando no país até o final do ano. Foi-se o tempo em que morar na Europa era sinônimo de prosperidade e qualidade de vida.

Aulas em 3D

Dois médicos ingleses criaram um sistema que usa uma animação em 3D gigante para ajudar os alunos de medicina a compreender melhor o assunto das aulas.
Espero que esse sistema seja adotado aqui no Brasil no futuro. Se isso ocorrer, a saúde pública vai melhorar (e muito).
,.

Prevenindo tragédias

Nesta madrugada  foi realizada uma simulação de evacuação em uma boate em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Todos os frequentadores saíram em poucos minutos. Isso mostra que os jovens que estavam lá sabiam como proceder em caso de emergências.
Só agora, após a tragédia de Santa Maria, a população brasileira realmente começou a se preocupar com a segurança em lugares fechados e com aglomeração de pessoas.

Roubaram e gastaram o dinheiro

Em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, dois homens foram presos há alguns dias atrás por roubar uma empresa de mármores. Dois revólveres usados no crime foram apreendidos. Os bandidos gastaram o dinheiro em boates e com compras.
Que vergonha! Em vez de fazer isso, eles poderiam ganhar dinheiro trabalhando. Porém, os dois escolheram roubar cidadãos de bem e acabaram atrás das grades. São mais dois detentos para o governo sustentar com dinheiro dos nossos impostos.

Cartazes na Câmara

O dono de um terreno próximo à Câmara Municipal de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, impediu que funcionários da mesma retirassem cartazes de protesto contra as regalias recebidas pelos vereadores.
Esse homem tem razão. Esses cartazes são uma forma pacífica de protesto. O povo tem direito de se expressar. Somos um país democrático. Foram-se os tempos do Regime Militar.

Susto durante protesto

Durante a cobertura  de um protesto em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, a jornalista Aliny Mary Dias, do site de notícias Campo Grande News, passou mal depois de respirar o gás lacrimogêneo de uma bomba que policiais jogaram para conter arruaças. Ela foi medicada em um posto de saúde e passa bem.
Infelizmente, uma pessoa inocente, que só estava trabalhando, pagou o pato por causa da presença  de vândalos e baderneiros na manifestação. Se estes não estivessem lá, a polícia não teria porque usar o gás lacrimogêneo.

Viagem trágica

Um ônibus do Pará se envolveu em um acidente em Sobral, no Ceará, deixando seis mortos e 32 feridos, muitos em estado grave.
O que me choca nesse caso é a demora e as condições precárias do atendimento médico. Isso é vergonhoso para um país que vai sediar a Copa do Mundo.

Descaso com o meio ambiente

Segundo um relatório da Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental), o aterro sanitário de São Sebastião da Grama, no interior de São Paulo, é um dos piores do estado. O lixo é tratado de forma inadequada.
Esse aterro funcionará até novembro, pois um novo está sendo construído. Espero que esse novo local funcione regularmente. A natureza pede socorro.

Ponte quebrada

Há vários dias atrás a ponte de madeira sobre o rio Água Suja, entre as cidades de Nova Nazaré e Água Boa, no Mato Grosso, quebrou em virtude da passagem de um caminhão. E não é a primeira vez que isso acontece.
Esse é um bom motivo para a população dessas cidades realizar um protesto. Além de dificultar a locomoção da população, esses incidentes causam prejuízos na economia, já que Mato Grosso é um grande produtor de soja e milho.
Seria bom se fossem construídas pontes de concreto, que são mais resistentes.

População vai às ruas em MS

Assim como no resto do país, a população de várias cidades daqui do Mato Grosso do Sul também saiu de casa para protestar contra os problemas que afetam o Brasil.
Em Campo Grande houve vandalismo. Locais públicos e privados foram depredados. Que falta de consciência! Esses vândalos que se aproveitam dos protestos para aprontar não representam o povo.

Banho de São João

Todos os anos é realizada em Corumbá, aqui no Mato Grosso do Sul, a Festa do Banho de São João, na qual imagens do santo são banhadas no Rio Paraguai.
Esse evento é bom para a economia e, principalmente, para a cultura da cidade.  É muito bom saber que os corumbaenses dão valor à sua cultura.

Morte em protesto

Na noite de ontem um motorista atropelou pessoas que participavam de um protesto em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, e fugiu em seguida. Várias ficaram feridas e um jovem morreu.
Esse motorista não pode ficar impune. Além de não respeitar o direito de protesto da população, ele tirou a vida de um rapaz que tinha um futuro pela frente.

Tragédia antes do casamento

Há alguns dias atrás, uma jovem noiva perdeu o marido duas horas antes de se casar em Goiânia (GO). O rapaz, que pilotava uma moto, morreu após colidir com uma caminhonete em Anápolis.
Os parentes acreditam que o acidente foi causado pela caminhonete. Em vez de fazermos julgamentos, temos que esperar a conclusão das investigações policiais. Se for comprovado que a culpa é do motorista, ele tem que ser punido. Isso não pode ficar assim.

Quero tomar café!

Café da menhã dos vereadores de Campo Grande (MS) custa aos cofres públicos R$ 9 mil. Deve ter o que? Caviar?
Sacanagem!

Ordem do prefeito

O prefeito da cidade de Laguna, em Santa Catarina, ordenou que a CASAN (Companhis Catarinense de Águas e Saneamento) não faça novas obras de saneamento básico enquanto não concluir as que estão em execução.
No país inteiro, ruas e avenidas são fechadas para a realização de obras que parecem não terminar. Enquanto isso, a população sofre com os transtornos. As empresas de saneamento deveriam fazer um planejamento antes de realizar essas obras.

Falta de consciência

Neste sábado (15), um homem quebrou com uma pedra o vidro de um ônibus em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. Ele defendia o protesto contra o aumento da tarifa de ônibus em São Paulo.
Esse homem deveria ser obrigado a pagar o vidro do ônibus. Quem faz isso não tem consciencia das consequências.

Projeto homofóbico

Foi aprovado na Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados (a comissão presidida pelo Feliciano) o projeto de lei que autoriza psicólogos a realizar a "cura gay".
Isso é coisa de quem não tem o que fazer. Pra que se preocupar com a orienação sexual da população? É nisso que dá colocar um deputado homofóbico na Comissão de Direitos Humanos. Aposto que ele teria influenciado a opinião dos outros deputados. Esse é mais um motivo para a população sair ás ruas para protestar (protestar pacificamente, sem violência e vandalismo).

Homem estupra criança

Há alguns dias atrás um homem foi preso acusado de molestar uma menina de oito anos em Serra, no Espírito Santo. Que nojo!
Seria bom se no Brasil os estupradores fossem submetidos a castração química (administração de remédios que diminuem a libido). Essa prática diminuiu os casos de estupro nos países onde foi adotada.

Segurança no trânsito

Agora a frisagem ou "riscagem" de pneus "carecas" (processo que consiste em "refazer" os sulcos dos pneus) está proibida aqui em Mato Grosso do Sul. Isso diminui a qualidade do pneu, o que pode causar acidentes.
Alguns borracheiros fazem esse serviço (alguns, pois a maioria com certeza tem consciência sobre o perigo) e algumas pessoas ainda compram pneus frisados, já que estes são mais baratos que os novos. Mas atenção, motoristas! O barato pode sair caro. A segurança deve estar em primeiro lugar.

Educação em casa

Está sendo discutido na Câmara dos Deputados um projeto de lei que regulamenta a educação domiciliar
Seria bom se isso fosse aprovado. Muitos estudantes têm o desempenho afetado por problemas que afetam muitas escolas brasileiras (falta de estrututa, drogas, violência, etc). Acho que esse sistema de educação não afetaria o desenvolvimento do Brasil, pois foi adotado em muitos países desenvolvidos.

Solidariedade

Em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, uma família teve a casa destruída por um incêndio no bairro Colibri.Muitas pessoas estão ajudando na reconstrução da residência e um cinegrafista da emissora de TV local SBTMS, que fazia uma reportagem, doou a própria televisão.
É muito bom saber que, neste mundo de maldades, ainda há pessoas que se preocupam com a situação dos mais necessitados. Isso faz com que a gente ainda acredite no ser humano.

O Brasil acordou!

Agora sim dá orgulho de ser brasileiro. As manifestações não são apenas por causa de 20 centavos, também são contra tudo o que vemos até agora.

Segurança para os pedestres

Em Fortaleza, no Ceará, o DNIT terá que colocar passarelas provisórias em trechos da BR-116. O órgão será multado se não cumprir essa ordem.
Deveria haver passarelas em todos os trechos de rodovias brasileiras que passam por áreas urbanas. Afinal, cruzar estradas a pé é muito perigoso. Os governantes deveriam pensar mais nisso.

Mais um índio morto em Mato Grosso do Sul

Na semana passada, um índio foi morto com tiros de espingarda nas proximidades de uma fazenda na cidade de Paranhos, no sul do estado.
A polícia trabalha com a hipótese de vingança. Seja qual for o motivo, o assassino não pode ficar impune. Caso contrário, os índios se revoltarão, como aconteceu em Sidrolândia. Já chega de violência! Esses conflitos denigrem a imagem do nosso estado.

Começou bem e acabou mal

Ontem, um protesto contra o aumento do preço das passagens de ônibus no Rio de Janeiro começou pacificamente, mas uma minoria acabou com o clima de paz. Vândalos invadiram a Assembléia Legislativa, onde jogaram coquetel Molotov e puseram fogo em carros. E, para o cúmulo da baixaria, policiais atiravam com armas de fogo no meio da multidão. Quem faz isso tem que ser expulso da polícia, pois não honra a farda que veste.
Essas atitudes são irracionais. Além de causar prejuízos ao patrimônio público e deixar muitos feridos, essas algazarras denigrem a imagem do Brasil no exterior. Estamos em época de Copa das Confederações e no ano que vem haverá Copa do Mundo.

Juiz inteligente

O juiz Odilon de Oliveira, daqui de Mato Grosso do Sul, afirma que é possível indenizar, com bens tomados de traficantes pela Justiça, produtores rurais que tiverem propriedades em regiões que serão demarcadas como terras indígenas.
Esse Odilon é um ótimo juiz. Ele sabe usar a inteligência que tem para beneficiar a sociedade.

Descaso com as árvores

Ontem houve um temporal em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. Casas, carros e fios elétricos foram atingidos por árvores.
Em várias cidades do Brasil as árvores são tratadas com desleixo. Muitas estão podres ou mortas. Basta uma chuva com vento e elas vão ao chão (em muitos casos, porém, as árvores caem sozinhas). E quando os moradores fazem o pedido de corte ou poda, as prefeituras demoram para realizar o serviço ou simplesmente não o fazem.

Cerco aos celulares piratas

No ano que vem, a ANATEL vai bloquear os celulares piratas . O objetivo é incentivar a compra de aparelhos nacionais.
Seria bom se o governo baixasse os preços de todos os produtos brasileiros. Aí ninguém precisaria comprar coisas do Paraguai.

Direito ameaçado

Os camelôs que estão na rodoviária da cidade de Dourados, aqui no Mato Grosso do Sul, terão que deixar o local. O mais chocante é que as autoridades municipais já haviam prometido que não fariam isso.
Isso não é justo. Esses trabalhadores sustentam suas famílias honestamente. Eles  poderiam estar roubando, assaltando, traficando, etc, mas felizmente estão no caminho certo.

Retirada da ciclovia

Estão querendo retirar a ciclovia da avenida Afonso Pena, em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. O motivo é o tombamento do canteiro central.
Desde quando a preservação do canteiro é mais importante que a da vida humana? Depois reclamam quando um ciclista sofre acidente e morre ou fica inválido.

Onda de privatizações

Em setembro o governo começará a privatizar trechos de rodovias brasileiras.
Isso é uma prova de que o Governo Federal reconhece sua incapacidade de resolver os problemas das estradas. No entanto, algumas empresas privadas também não fazem um bom serviço nas rodovias que são leiloadas a elas.

Negligência do prefeito

Alcides Bernal, prefeito de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, não repassou recursos do Ministério da Saúde destinados à maternidade Cândido Mariano. O dinheiro está no caixa da Prefeitura desde janeiro. Acho que esse prefeito não tem consciência da importância desse hospital para a população.
Se a administração de Bernal não beneficiar os campograndenses, eu aconselho que o povo não o reeleja.

Acidente de trabalho

Três operários caíram em um buraco que serviria para abrigar o elevador de um prédio em Belo Horizonte (MG). De acordo com os bombeiros que socorreram os trabalhadores, eles usavam equipamentos de sgurança.
Isso serve de alerta para os operários do Brasil inteiro. O uso desses equipamentos diminui o risco de mortes ou ferimentos graves em caso de acidentes.

Copiando os Estados Unidos

Assim como os EUA, a Índia também lançou um programa de monitoramento de e-mails, ligações telefônicas, mensagens e conversas em redes sociais.
Eu acho isso bom, pois ajuda a evitar crimes, como o terrorismo. Porém, nem todos pensam assim. Os governos dos países deveriam realizar referendos para saber a opinião da população. Há alguns anos atrás houve aqui no Brasil um referendo sobre a proibição da venda de armas de fogo; a maioria da popullação votou contra.

Agressão motiva paralisação

Em Fortaleza, no Ceará, motoristas e cobradores paralisaram o  terminal Messejana depois que um motorista foi agredido por rapazes que tentaram pular a catraca.
Isso que os rapazes fizeram com esse trabalhador foi uma injustiça, uma covardia. Transporte coletivo infelizmente não é de graça. Quem não estiver satisfeito com o preço tem o direito de protestar. Protestar com paz e tranquilidade, e não com violência, como aconteceu em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Escola segura

Em Goiânia (GO), a polícia está realizando a operação "Escola Segura", que tem como objetivo coibir o tráfico de drogas nas escolas.
Todos nós (não só os goianienses, mas o país inteiro) temos que parabenizar esses policiais. Essa praga mundial tem que ficar o mais longe pssível das escolas.
.,

Pedido de paz

Ontem foi realizado em Nova Alvorada do Sul, aqui no Mato Grosso do Sul, um protesto pacífico contra a insegurança no campo. Participaram do evento agricultores daqui e de outros estados.
É claro que essa manifestação não vai solucionar o problema. Índios, produtores e as autoridades devem se empenhar para conseguir a paz.

Esgoto a céu aberto

O esgoto de um condomínio causa transtornos a moradores de um bairro de Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul.  A água suja chegou a contaminar um córrego. Segundo um morador, a obra foi malfeita por uma empreiteira.
Essa empresa deveria ser multada. Essa sujeira prejudica o meio ambiente e incomoda a população. Ninguém é obrigado a aguentar essa podridão.

Tirando as dúvidas

Por causa das novas regras estabelecidas pela PEC das Domésticas, muitos empregadores estão com dúvidas sobre o cálculo dos benefícios das empregadas. A boa notícia é que foi criado na internet um portal para os patrões tirarem essas dúvidas.
É importante que os empregadores consultem esse portal. Os direitos dos domésticos precisam ser respeitados, assim como acontece com os demais trabalhadores.

Solução para o fedor

Em Dourados, aqui no Mato Grosso do Sul, um homem inventou uma espécie de exaustor que acaba com o mau cheiro que fica após o uso do vaso sanitário.
Essa idéia é genial. Espero que algum empresário se interesse pela invenção. Esse homem é um exemplo de pessoa que usa a inteligência para o bem.

Segurança sobre duas rodas

Em Presidente Prudente, no interior de São Paulo, a SEMAV (Secretaria de Assuntos Viários) autuou, desde fevereiro, 33 mototaxistas e motofretistas por não se adaptar às novas regras do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN).
Acho que isso acontece poque os equipamentos exigidos pelas normas talvez sejam caros. Contudo, quem usa a moto como ganha-pão tem que tirar dinheiro do bolso. A segurança é mais importante que tudo.
É facílimo dizer essas coisas. Difícil é fazer.

Segurança nas fronteiras

O SISFRON (Sistema Integrado de Monitoramento das Fronteiras) investirá R$ 864 milhões aqui em Mato Grosso do Sul, que faz fronteira com o Paraguai e a Bolívia.
Sabe-se que, nessas regiões de fronteira, ocorrem muitos crimes, como tráfico de drogas e assassinatos. Esse sistema é uma luz no fim do túnel para a população. É claro que isso não vai eliminar a criminalidade por completo, mas pelo menos ajudará a reduzí-la.

Falta d'água e vazamentos

Moradores de alguns bairros de São Carlos, no interior de São Paulo, convivem com a falta de água. Enquanto isso, essa mesma água está sendo desperdiçada por causa de vazamentos nas ruas.
A população não merece isso. O povo paga impostos pra quê? Para que os serviços públicos funcionem bem. E essa questão dos vazamentos também tem que ser solucionada; cabe lembrar que aos poucos a água potável está desaparecendo no planeta.

Se deram mal

Na tarde de ontem, dois jovens roubaram uma moto no bairro Nova Esperança, em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul. Um deles, que estava armado, foi baleado na perna pela polícia e hospitalizado; o outro foi preso.
Bem feito! Esses rapazes poderiam estar estudando ou trabalhando. Vida de bandido acaba ou na cadeia ou no cemitério.

Baderneiros atacam novamente

Ontem ocorreram novamente protestos contra o aumento do preço das passagens de ônibus em São Paulo e no Rio de Janeiro. E, mais uma vez, as manifestações resultaram em vandalismo e prisões. Nem os jornalistas que cobriam a algazarra escaparam; em São Paulo, alguns foram presos e outros ficaram feridos.
É claro que o aumento é uma injustiça. Porém, nada justifica arruaças. Pra que fazer isso?

Tiros em residência e dois baleados

Neste sábado, um casal foi baleado dentro de casa no lugar do filho, que era o alvo dos bandidos, em Jaguaribe, no Ceará. O homem morreu. Vários disparos haviam sido efetuados em direção à residência.
Hoje a vida não tem mais valor. As pessoas estão matando e morrendo por qualquer motivo. Independentemente da causa, os responsáveis pelo crime têm que mofar na cadeia. Pra que fazer uma barbaridade dessas?

Morte e maus-tratos

Em Fortaleza, no Ceará, um holandês e sua mulher, uma brasileira, foram presos suspeitos de matar o filho de 3 anos e agredir o outro, de 5.
Não consigo entender como tem tanta gente que coloca filho no mundo só para maltratar. Os casais que não querem ter filhos deveriam ter cuidado para evitar que isso aconteça.

Produtores rurais "entrarão em greve"

As demarcações de terras indígenas preocupam os produtores rurais do país inteiro. Com o objetivo de chamar a tenção do governo, pecuaristas promoverão a paralisação do abate de gado por um mês (de 20 de agosto a 20 de setembro).
Eu apóio essa "greve". Primeiro, porque os produtores também precisam ser ouvidos sobre a questão das demarcações. Segundo, porque a carne é um produto supérfluo, que pode ser substituído por outros.

Direito da população

Em Marília, no interior de São Paulo, os moradores que não estiverem satisfeitos com o valor atual do IPTU podem pedir uma revisão.
Isso mesmo. Temos que fazer valer os nossos direitos! Imposto alto não é sinal de melhoria nos serviços públicos.

Desconfiança

Por causa de irregularidades o prefeito da cidade de Jardim, aqui no Mato Grosso do Sul, foi cassado. Novas eleições serão realizadas no próximo mês. Os candidatos enfrentam uma barreira na realização de suas campanhas: o desânimo da população.
Os jardinenses não podem desistir do sonho de construir um futuro melhor para a cidade. Nem todos os políticos são corruptos. É preciso saber separar o joio do trigo.

Celular no presídio

Em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, um homem se passava por médico para extorquir dinheiro de pacientes internados em hospitais. Ele agia de dentro de um presídio usando um celular.
Esse é o Brasil que vai sediar a copa em 2014. No nosso país as autoridades se preocupam mais com a Copa do Mundo do que com a segurança.Falso médico que extorquia dinheiro de famílias agia de dentro do presídio da Capital • Vídeos • MS Record.com.br - O melhor jornalismo do Estado na internet

Tarde demais

No último sábado um jovem de 18 anos e três menores assaltaram uma farmácia em Vitória, no Espírito Santo, e mataram o balconista. O único adulto do grupo bateu a cabeça na parede da delegacia e chorou ao saber que seria preso. Agora é tarde. Nada vai trazer de volta a vida do trabalhador.
Esse rapaz já tinha passagens pela polícia desde a adolescência. Esses moleques que cometem crimes sabem que só ficarão internados por três anos. Não é a toa que a maioria da população brasileira é favorável à maioridade penal. Neste país o menor pode casar, votar, etc, mas não pode responder por seus atos.
Eis aqui uma notícia publicada por um jornal do Espírito Santo sobre o caso.A Gazeta - Cidades - Jovem que participou de assalto que levou à morte de balconista se desespera ao ser preso

Dinheiro público jogado fora

Mesmo com dinheiro em caixa, obras do setor de trauma da Santa Casa de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, estão paradas. Enquanto isso, os campograndenses sofrem com a superlotação e a falta de estrutura na Santa Casa e na Rede Municipal de Saúde.
Esses problemas não acontecem só em Campo Grande e no Mato Grosso do Sul. Em todo o país há exemplos que mostram que a saúde pública está na UTI.

Descaso

Em uma escola municipal da cidade de Itaperuçu, no Paraná,  os alunos têm uma companhia: os ratos. Na cozinha, há veneno para os invasores e também comida estragada. O prédio está caindo aos pedaços.
A saúde e a segurança desses alunos correm perigo.  Imaginem o que acontece se a merenda for contaminada pelos roedores? E se, num momento de distração, a cozinheira confundir raticida com tempero e colocar acidentalmente na comida? E se uma criança entrar na cozinha, mexer no veneno e ingerí-lo?
A Prefeitura alega que só vai resolver o problema no ano  que vem. Isso porque o(s) filho(s) do prefeito estuda(m) em escola particular. Aposto que, se eles dependessem dessa escola, a situação seria revertida na hora.

Invasão de ratos em escola no interior do Paraná 04/06/2013 - YouTube

Governo fechará fórum de Itaporã

Mais um de nossos direitos sendo negado. O governo de MS autorizou o fechamento do fórum do município de Itaporã, onde somos cerca de 20 mil habitantes. É brincadeir, né? O governador não pode esquecer que somos eleitores sul-matogrossenses e que na próxima eleição ele se candidatará ao Senado. Pra onde iremos quando precisarmos do poder judiciário?

Tráfico de drogas.

Nos últimos dias, quatro caminhonetes que transportavam maconha foram apreendidas em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul.
É difícil entender como ainda tem gente que resolve entrar para o mundo do crime achando que é "mais fácil". Na vida não há nada fácil.

Decepção

Os prefeitos dos municípios de Caracol, Bela Vista, Jardim e Figueirão, aqui no Mato Grosso do Sul, foram cassados por causa de irregularidades e a população terá que ir novamente às urnas no mês que vem. Por que será que a "Lei da Ficha Limpa" só funciona com prefeitos e nunca pune os senadores e deputados corruptos?
Para evitar esses problemas o povo tem que se informar sobre a situação dos candidatos e jamais comprar ou vender voto.

Protesto

Na semana passada, índios fecharam parcialmente uma rodovia entre as cidades de Itaporã e Dourados, aqui em Mato Grosso do Sul, para protestar contra os confrontos entre indígenas e fazendeiros de Sidrolândia.
A população da região teve muita sorte, já que os manifestantes fecharam PARTE da rodovia. Os índios realmente têm direito de protestar (aliás, o povo em geral tem direito a isso), desde que não prejudiquem as pessoas que dependem da estrada.

Mais uma vez os paulistanos se revoltam

Na noite de ontem ocorreram mais manifestações contra o aumento dos preços das passagens de ônibus em São Paulo. E, como nas outras vezes, esses protestos acabaram em violência e vandalismo.
Existem maneiras civilizadas de protestar. Apelar para a violência e o vandalismo é uma demonstração de ignorância. Isso não leva a nada. E depois, quem vai pagar os danos causados ao patrimônio público? O povo, é claro!

A invasão das capivaras

Em Campo Grande, aqui no Mato Grosso do Sul, um condomínio que fica perto de uma área de preservação ambiental estava sendo visitado por capivaras. Para impedir que os animais cheguem até o local, foi colocada uma cerca elétrica. De acordo com um morador do residencial, o equipamento emite descargas elétricas de baixa voltagem, inofensivas ao ser humano e aos animais.
Além de sujar o condomínio com suas fezes e destruir plantas nos jardins das casas, as capivaras podem transmitir doenças, como febre maculosa (causada por carrapatos) e leishmaniose visceral.
Na minha opinião, para evitar problemas, as construtoras deveriam evitar a construção de seus empreendimentos nas proximidades de áreas de preservação ambiental. Esses locais deveriam ser preservadas, pois são um oásis dentro das áreas urbanas.

Crime brutal

Em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro, um diretor de um jornal da cidade foi morto com mais de 40 tiros. Quanta cruendade!
O homem tinha passagens pela polícia. Ele já foi preso acusado de envolvimento em um assassinato. O crime também pode ter relação com matérias publicadas pelo jornal. Seja lá qual for o motivo, espero que os responsáveis pelo assassinato sejam presos e fiquem por um bom tempo na cadeia.